Nova York: Nomad Hotel

 

NoMad, a área de Nova York “North (No) of Madison Square (Mad)” está cada vez melhor, em grande parte por causa de 2 hotéis do grupo Sydell, o Ace Hotel e o Hotel Nomad.

O Nomad ocupa um lindo prédio de 1903, com uma grande cúpula estilo Beaux-Arts e um interior que impressiona, com seus brocados negro e dourado, como uma tela de Klimt.

O design é do francês Jacques Garcia (que fez o Hôtel Costes em Paris), e é o seu primeiro hotel nos EUA.

 

Nomad-2

nomad-hotel

 

A lareira antiga, espetacular, veio de um castelo na França:

nomad-hotel-new-york-fireplace-lg

 

O bar pouco iluminado, com seus livros (escolhidos pelo curador de bibliotecas, Tatcher Wine, dono da Juniper Books) e sua escada tortuosa, é considerado um dos melhores do país (a revista Esquire sugere pedir um “Old Alhambra”):

NoMad-Hotel-Jacques-Garcia-New-York-yatzer-17

ShockBlast-NoMad-Hotel-New-York-Jacques-Garcia-30

 

O restaurante foi concebido pelo chef Daniel Humm e restaurateur Will Guidara (a dupla por trás do 3 estrelas do Michelin, Eleven Madison Park):

1-daniel-humm-the-nomad_650_20130226_francesco-tonelli1-1

O prato mais famoso é a galinha assada (78 dólares para 2 pessoas) com trufas e foie gras “under the skin”:

Screen-Shot-2012-11-19-at-11.33.28-AM

 

A boutique francesa Maison Kitsuné abriu sua primeira filial americana dentro do hotel, e traz peças super editadas pelo franco-japonês Masaya Kuroki :

Kistune_store26thumb

 

Os 168 quartos têm jeito de casa européia :

image

 

The-NoMad-Guest-Room-4

lS4tLYHPN4RlPIhF6xMYSlSompMGySPdr6NbMKSu